Change your Language

Make a Journal Entry

O Zahir

by Paulo Coelho | category Romance
Registered by Merlinn on 1/6/2006
3 journalers

You're currently not logged in to BookCrossing.com. If you continue now your Journal Entry will be shown under the name of "Anonymous Finder". If you want to later track your book (and optionally receive an email when someone else makes a Journal Entry for this book) you need to log in first. If you don't have a BookCrossing account yet, you can sign up right away. It's a matter of seconds and you can write your Journal Entry immediately afterwards.

What do you want to do?


     

1: Where did you Catch the book?

2: Entry Information

   
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10     haven't read
« worse   average   better »
Please tell us about your experience with the book! Just as much or as little as you like ...

3 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by Merlinn on Friday, January 06, 2006
"Paulo Coelho é um escritor brasileiro, nascido em 24 de agosto de 1947 na cidade do Rio de Janeiro, que tem ocupado, sistematicamente, as primeiras posições no ranking dos livros mais vendido no mundo. Já vendeu mais de 65 milhões de livros, sendo o autor mais vendido em língua portuguesa de todos os tempos, ultrapassando até mesmo Jorge Amado (cujas vendas somam 54 milhões de livros)."

Não vou mentir, dizendo que sou mais um dos ávidos seguidores de Paulo Coelho e das suas obras. Na verdade, apenas li O Alquimista e este, O Zahir. O primeiro foi oferecido por alguém muito especial e quanto mais não fosse por isso, ficou para sempre marcado na minha memória e no meu coração. O segundo ofereci-o a mim mesmo num momento em que precisei de um livro para me "segredar ao ouvido" algo mais sobre o amor, a liberdade e o destino. É a obra mais recente do autor e conta a história de um escritor de sucesso com uma vida confortável e um casamento estável, um homem satisfeito. Até que um dia, sem qualquer motivo ou explicação, Esther, a sua mulher, desaparece. Este acontecimento leva o escritor a repensar toda a sua vida e tudo aquilo a que dava valor. A necessidade de compreender o sucedido transforma-se numa obsessão que o leva a partir numa viagem para se reencontrar com Esther... e sobretudo consigo próprio.

Journal Entry 2 by Tuanita from Utrecht, Utrecht Netherlands on Wednesday, August 22, 2007
Mas que agradável surpresa!
Já não me lembro muito bem porque é que este livro me veio visitar, mas é óbvio que foi bem recebido
:-)
Obrigada!!

Journal Entry 3 by Tuanita from Utrecht, Utrecht Netherlands on Wednesday, August 12, 2009
É-me difícil classificar este livro e dizer se gostei ou não.

Tive a minha dose certa de Paulo Coelho por volta dos meus 18 anos: foi bom para me guiar em alguns pontos, para me “formar” em termos espirituais (se bem que eu continuo a acreditar que essa formação só pára quando morremos). Mas depois dessa fase em que tudo começa a fazer sentido e eu acredito que o essencial dessa minha formação já passou, é-me difícil aceitar algumas coisas escritas neste livro, já que não respeitam em nada aquilo que penso de mim própria e do que está certo ou errado.
Para começar, baseia-se num casal que mantém relações extra-conjugais mas “amam-se muito”. Chamem-me o que quiserem, mas não acredito minimamente nessas relações. A mim parece-me mais um casal que não se consegue divertir a dois e cada um acha que o outro não é suficiente para ele, embora seja o “porto seguro” (não vá o diabo tecê-las e ficarem sozinhos).

Enfim, não quero ser spoiler, mas estas personagens enervaram-me! Como se trair e voltar para a mulher fosse a nova forma de provar o verdadeiro amor. Ou engravidar doutro homem, sei lá… E a forma como este livro foi escrito faz com que toda a sociedade esteja… demodée, por não aceitar esta nova corrente…

Depois apercebi-me de uma certa repetição do Alquimista: “é só ler os sinais” e mais “os sinais” e depois “os guerreiros da luz” … e pensei que este Paulo Coelho se estava a plagiar a ele próprio…

Contudo, gostei de outras partes, gostei das viagens espirituais, gostei da humildade de algumas personagens, gostei de ver a valorização de coisas pequenas…
Enfim.
Paulo Coelho nunca mais.


_____________________________________

esqueci-me de anunciar que segue como RABCK para a sombrArredia
:-D

Journal Entry 4 by sombrArredia from Porto - City, Porto Portugal on Wednesday, December 16, 2009
Já o tenhooooo :)))

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.