Livro Usado

by Jacinto Lucas Pires | Literature & Fiction |
ISBN: Global Overview for this book
Registered by Maria-Nunes of Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on 8/7/2008
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
2 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by Maria-Nunes from Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Thursday, August 07, 2008
Estava à espera de algo diferente...
Ele vai enumerando o que vê na sua viagem pelo Japão.

O que não gostei mesmo nada foram das palavras tipo tichârte, sequeite,...

fica aqui no BC para quem o quiser ... ou em RABCK ou eventualmente para ser libertado in the wild...

Journal Entry 2 by Maria-Nunes from Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Thursday, August 14, 2008
Enviado para "mariadocostume" como RABCK.
Espero que aprecies o livro... e que depois o mantenhas a circular :-)

Journal Entry 3 by mariadocostume on Tuesday, August 26, 2008
Olá!
Já recebi o livro na sexta feira dia 22, mas como estou sem Internet, só hoje o pude registar.
Muito obrigada pelo RABCK!
O livro parece interessante à partida.
Voltarei para dar notícias, pois este é um livro... usado numa viagem ;)

Círculo de Leitores online – Neste livro há um certo vagar pelos lugares. Diria que esse é um dos privilégios do viajante?

Jacinto Lucas Pires - Viajar é, em parte isso, o alongarmos o nosso tempo. Um atrasar no bom sentido.

CLonline - Porquê viajar no Japão?

JLP -Não sei explicar. Tinha um certo fascínio pelo Japão. Nada conhecia do Oriente.

CLonline - E como foi chegar aos lugares que imaginara?

JLP -Imaginamos o Japão a partir dos livros, dos filmes. Ao chegarmos lá percebemos que é ainda mais misterioso do que pensávamos - mais misterioso que o mistério prefabricado que trazemos de casa. Tentei respeitar esse choque. Tentei chegar em branco, ser uma espécie de escritor tela ou viajante e deixar que as impressões fossem registadas de um modo literário, sem explicações.

Sem mapa
CLonline - Foi o escritor que se adaptou ao viajante, ou foi o percurso que levou à escrita?

JLP -Um pouco das duas coisas. Queria dar uma volta pelo Japão que fosse bastante significativa, que abarcasse vários “Japões”. Ir às ilhas, ao Norte, ao Sul, onde há mais ocidentais e onde existe ainda alguns vestígios da presença portuguesa. Por outro lado o caderno de viajante em que ia tirando notas também me levou para outros lugares, lugares que de outra forma não me teria sentido compelido a conhecer.

CLonline – Ainda em Portugal definiu os sítios onde iria?

JLP -Não. Tinha em mente que queria fazer uma volta representativa. Havia sítios óbvios como Quioto, Tóquio, Hiroxima, Nagasáqui. Mas não tinha estruturado nenhum mapa a seguir.

CLonline – E uma vez no Japão como foi surgindo o percurso a fazer?

JLP -Ao início tive a ajuda do conselheiro da Embaixada que me passou informações práticas, onde ficar, os transportes a usar. Por outro lado, ao chegar a um sítio o tempo que ali permanecia acabava por ser definido pelo próprio lugar. Foi aliás isso que foi moldando a viagem.

CLonline - Como viajou pelas diferentes cidades?

JLP -Sempre de comboio. Apenas uma vez de avião, até Ocaiama.

CLonline - Como se retrata enquanto viajante?

JLP - Sou pouco notório, distraído, mais ou menos casuístico, na medida em que se vir alguma coisa que acho engraçado vou espreitar, ou pode apetecer-me simplesmente parar. Como qualquer outra pessoa, suponho. Sou pouco organizado, isso é certo.

Journal Entry 4 by mariadocostume at Santa Iria de Azóia, Lisboa (distrito) Portugal on Sunday, August 14, 2011
Ando a ler este livro agora...

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.