O banqueiro anarquista

Registered by eragon369 of Coimbra (cidade), Coimbra Portugal on 9/22/2007
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
This book is in a Controlled Release! This book is in a Controlled Release!
6 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by eragon369 from Coimbra (cidade), Coimbra Portugal on Saturday, September 22, 2007
Um livro excelente, onde Pessoa revela o que penso serem os seus ideais anarquistas, através de um diálogo entre um banqueiro anarquista e um seu amigo.
É pequenino [69 páginas] mas diz muita coisa, e dá que pensar. Nessas 69 páginas, há muito poucas narrativas, funcionando quase como didascálias, com a pequenina diferença de não ser um texto dramático. O resto é o diálogo.

Aconselho.


RESERVADO PARA RABCK A REALIZAR HOJE, NO ENCONTRO DE BCs EM COIMBRA.

Journal Entry 2 by Ligiafteixeira from Mira, Coimbra Portugal on Saturday, September 22, 2007
Este veio comigo para casa! Obrigada, eragon369 pela oportunidade de ler este belo livrinho :)

Journal Entry 3 by Ligiafteixeira from Mira, Coimbra Portugal on Thursday, June 12, 2008
Confesso que passei este livrinho à frente na pilha por saber aproximar-se o aniversário de Pessoa... quase acertava mesmo no dia! Li-o ontem à noite, ao deitar e deliciei-me com esta prosa de Pessoa... Oscilando entre o diálogo e o quase monólogo do banquerio que vai explicando como durante a sua vida foi conciliando prática com teoria e resolvendo contradições até chegar à "técnica do anarquista".
É, de facto, um livrinho que se lê numa penada e dá que pensar...
Obrigada, eragon, por me permitires regressar a Pessoa.

Journal Entry 4 by Ligiafteixeira from Mira, Coimbra Portugal on Monday, June 16, 2008
E foi RABCKado no dia do Aniversário de Pessoa, seguindo agora viagem para a butterfly-noir :)

Journal Entry 5 by butterfly-noir from Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Saturday, June 21, 2008
já cá está. como é tão pequenino acho que me vai aliciar e dar uns pulos valentas na pilha tbr, além de que estou ansiosa por rabacka-lo ao proximo.

muito obrigada ligia, fiquei muito contentinha com a minha sorte :)

Journal Entry 6 by butterfly-noir from Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Monday, September 15, 2008
li este livo já a algum tempo mas não fiz a je entri antes. gostei bastante deste exercicio de retorica de fernando pessoa na pele do banqueiro anarquista. Nunca tinha lido nada escrito por ele para além de poesia. Se formos ter atenção a época em que pessoa viveu em que o anarquismo e as lutas de classes estavam muito mais viva que hoje em dia, ou pelo menos vivas de uma forma diferente, a despertar. Hoje em dia diria que estão quase adormecidas ou dormentes e o que não falta por ai são "banqueiros anarquistas".

seguindo a regra de ser um raback vai ser oferecido ao jota-p, um rabck surpresa adicionado ao livro do bc do mês

Journal Entry 7 by Jota-P from Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Wednesday, October 01, 2008
E que bela surpresa! Dois bons livros num único envelope! Muito obrigado butterfly-noir por teres feito este livro chegar até mim no âmbito da iniciativa Troca Mensal de Livros (BC do Mês). Escusado será dizer que adoro Fernando Pessoa (excluindo-se, talvez, certas divagações sebastianistas). Mais uma vez OBRIGADO. Será lido com muita atenção, até porque já me disseram que vale a pena.

Journal Entry 8 by Jota-P from Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Thursday, December 18, 2008
Bem... O que dizer deste livro? Para começar, é um pequeno conto estranho a toda a restante obra de Fernando Pessoa que conheço. É-nos aqui apresentada uma história hilariante e com uma grande carga de ironia (algo que até aqui desconhecia em Pessoa). O banqueiro do título, através de um diálogo ao estilo de Platão, faz uma verdadeira teoria do egoísmo (ao partir do pressuposto de que todo o auxílio que possamos prestar aos outros é uma tirania), a qual é impossível rebater («- Ó filho, o homem lúcido tem que examinar todas as objecções possíveis e de as refutar, antes de se poder dizer seguro da sua doutrina»), graças à aplicação de silogismos à maneira aristotélica ao longo de todo o diálogo. Trata-se, pois, de um banqueiro chico-esperto que está convencido de ter conseguido vencer as forças sociais, sem se dar conta de que, antes pelo contrário, se tornou agente delas. E em vez de se libertar da influência do dinheiro como apregoa, mais dependente dele ficou.

É, sem dúvida, um livro curioso, quanto mais não seja por ter sido escrito por quem foi. Seguirá viagem no momento oportuno. Obrigado ao eragon369 por o ter posto a circular e à butterfly-noir por tê-lo feito chegar até mim.

Journal Entry 9 by Jota-P from Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Sunday, January 04, 2009
Este livro vai ser oferecido à irusdodot como pequena forma de agradecimento por me ter emprestado Os Cus de Judas. Mais uma vez, muito obrigado. E espero que gostes deste pequeno livrinho.

Journal Entry 10 by irus from Bragança, Bragança Portugal on Thursday, January 08, 2009
Adoro surpresas e Pessoa. E nunca li este livro.
Muito obrigada Jota-P. Fica a promessa de que o livro vai continuar de mão em mão, como tem andado até agora.

Journal Entry 11 by irus from Bragança, Bragança Portugal on Friday, November 06, 2009
É um pequeno livro curioso, mas não me cativou por aí além.

Journal Entry 12 by irus from Bragança, Bragança Portugal on Thursday, November 19, 2009
Oferecido em sorteio RABCK, em que a Mosquinha foi a vencedora.
Seguiu hoje por correio

Journal Entry 13 by Mosquinha from Maia, Porto Portugal on Saturday, November 28, 2009
Chegou há dois/três dias. Tem-me feito companhia nos brevíssimos tempos que tenho tido para ler. Precioso!
Obrigada, irusdodot!

(que será feito do eragon369?)

Journal Entry 14 by Mosquinha at Águas Santas, Porto Portugal on Thursday, December 24, 2009

Released 9 yrs ago (12/24/2009 UTC) at Águas Santas, Porto Portugal

CONTROLLED RELEASE NOTES:

CONTROLLED RELEASE NOTES:

Gostei muito deste pequeno livro que me pôs a pensar em alguns "revolucionários" (?) que conheço.
Será libertado ainda nesta noite natalícia, para as mãos de um deles! :D

Obrigada!!!

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.