O Natal de Poirot

by Agatha Christie | Romance |
ISBN: 0425177416 Global Overview for this book
Registered by YellowBow of Fleet , Hampshire United Kingdom on 12/3/2006
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
5 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by YellowBow from Fleet , Hampshire United Kingdom on Sunday, December 03, 2006
"É véspera de natal. A reunião da família Lee é destruída por um ensurdecedor barulho de mobília a partir-se, seguido por um grito de agonia. No andar de cima, o tirânico Simeon Lee encontra-se morto num lago de sangue com a garganta cortada.
No entanto, quando Hercule Poirot, que se encontra na zona para passar o Natal com um amigo, oferece a sua ajuda, encontra uma atmosfera não de luto mas de suspeita mútua. Parece que tda a gente tinha as suas razões para odiar o velho...."

"Hercule Poirot é a personagem mais famoso de Agatha Christie. A autora pretendia um personagem excêntrico, e com Poirot consegui-o. Agente reformado da policia belga, Poirot tem-se em grande consideração - a si e ás suas "celulazinhas cinzentas", à sua personalidade extravagante e pomposa, aos seus modos afectados. Dotado de caracteristicas fisicas tão peliculares quanto as mentais, o detective é facilmente identificavel através da cabeça oval e do bigodinho invulgar - e sempre irrepreensível - do qual trata com esmero e reverencia. Desta feita a sua relação com o crime e a investigação tormam-se coerente: longe de aderir a métodos de investigação vulgares, o detective apoia-se no seu raciocínio lógico e no estudo da"psicologia do criminoso"."

Journal Entry 2 by YellowBow from Fleet , Hampshire United Kingdom on Tuesday, December 05, 2006
Nesta edição do Pai Natal Secreto Bookcrosser 2006 escolhi enviar-te este livro.
Já conhecia alguns livros da Agatha Christie e todos os que li não houve nenhum que não gostasse. Como na tua bookshelf não vi nenhuma referência à autora e uma vez que me delício com os seus mistérios, porque não dar-te a conhece-la?... O tema não podia vir mais a calhar, o Natal!!
Espero que seja do teu agrado.
Feliz Natal, Sara

Ps: Acabei por ler antes de enviar. E o meu maior receio caiu por terra. Como ia mandar sem ter lido, receava que neste Poirot não estivesse no seu melhor, mas pelo contráro... Nada parecia fazer sentido mas as suas células cinzentas perceberem tudo... Mais momentos bem passados com a 'Rainha do Crime' ou 'Duquesa da Morte'(como preferia ser apelidada)

Journal Entry 3 by PaiNatal from Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Monday, December 11, 2006
Ho ho ho para onde irá este livro? Feliz Natal...

Journal Entry 4 by Jota-P from Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Thursday, December 14, 2006
Muito OBRIGADO Meeko14 (a minha Mãe Natal secreta)!!!

Nunca li nenhum livro da Agatha Christie, mas tenho uma enorme curiosidade! De vez em quando lá apanho um filme do Poirot na televisão e fico totalmente colado ao sofá até ao fim para saber como acaba cada história.

Adorei esta prenda, pois não estava nada à espera de encontrar um livro da 'Rainha do Crime'. Fui surpreendido, e eu adoro ser surpreendido.

Obrigado mais uma vez Meeko14. Não sei se proximamente terei grande disponibilidade para ler este livro, mas se for daquele tipo de leituras que, uma vez iniciada, já não se consegue parar, então darei notícias brevemente!

Journal Entry 5 by Jota-P from Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Sunday, December 24, 2006
Acabei-o ontem. Não resisti e fiquei até às 2 da manhã acordado a ler. Achei um livro que se lê muito bem, mas não julguemos que não tem uma certa complexidade. O mérito de Agatha Christie está mesmo aí: escreve uma história complexa, mas perfeitamente compreensível, com imensas personagens (todas da mesma família, neste caso) o que poderia confundir-nos. No entanto, isso não acontece e conseguimos distinguir todas umas das outras à medida que vamos avançando na história.

Adorei a forma como a autora consegue arranjar tantas formas (tantas quantas as personagens que se encontravam naquela casa) de descrever o mesmo crime sem haver contradições entre si. O único ponto fraco que encontrei na história (ou, pelo menos aquele de que não gostei muito), foi a falsa identidade da personagem que ajuda a desvendar o crime. Tanta gente com falsas identidades torna a narrativa um pouco inverosímil.

Mas enfim, para a história funcionar, assim tem de ser, não é verdade? E pensar que ela escreveu muitas outras histórias em que há sempre um assassino e um assassinado, tão boas ou melhores como esta, é de facto de se lhe tirar o chapéu.

Obrigado Meeko14 pela oportunidade de conhecer esta autora. O livro fica disponível para quem o quiser ler.

Journal Entry 6 by Jota-P from Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Wednesday, July 18, 2007
Livro oferecido ao contacoisas por ocasião do RABCK organizado por mim para comemorar o meu regresso de Erasmus.

Espero que gostes!

Journal Entry 7 by wingcontacoisaswing from Vila Real, Vila Real Portugal on Wednesday, July 25, 2007
E no sapatinho - porque para nós hoje é Natal! - mais um livrinho!
O entusiasmo das vossas chegadas é um embriagante sorriso que nos deixa fabulosamente felizes!
Por todos os amantes da leitura do espaço Conta Coisas aquele enorme agradecimento!
http://www.coisascontadas.blogspot.com/

Journal Entry 8 by nanditaqueiros on Sunday, September 23, 2007
Bela leitura :) duas tardes bem passadas, muito muito sangue à mistura ;)

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.