O Rei do Inverno - Crónicas do Senhor da Guerra - BOOKRING

by Bernard Cornwell | Literature & Fiction |
ISBN: Global Overview for this book
Registered by pedroportugal on 1/11/2005
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
6 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by pedroportugal on Tuesday, January 11, 2005
BookRing

--> Ticia - Setúbal
--> PCSAF - Gondomar- o livro está aqui.
--> Mattellaca - Águeda
--> Nympha - Almada
--> Nninoca - Porto
--> Muzzle - Lisboa
--> Cativo - Barcelos
--> Bujunbura - Corroios
--> Relíquia - Porto
--> Phight - Porto


»return to me«
(alguém interessado? PM)

Quando receberem o livro avisem aqui... Boa leitura.

«Na realidade pouco se sabe sobre o cenário arturiano. Vivia-se uma Idade das Trevas na Grã-Bretanha, e os factos históricos que chegaram até nós são muito pouco esclarecedores. Mesmo a base de toda a lenda, a existência de Artur, não é dada como certa. Existem vestígios de um Artur, através da multiplicação de homens assim chamados, numa moda que ficou assinalada em meados do século VI. Este tipo de situação revela habitualmente a existência de um ilustre que inspira a disseminação de utilização do nome. A primeira referência literária a Artur surge no poema épico "Y Gododdin", datado do início do século XVII. Contudo, muitos especialistas atribuem esta referência a uma posterior interpolação no texto. Poderíamos continuar a citar os indícios da existência de Artur, assim como os argumentos dos que não acreditam na sua real existência, mas tornaríamos este texto num breve ensaio de História, longe portanto dos objectivos pretendidos. Não desanimem os mais curiosos. Bernard Cornwell apresenta, no final de cada um dos três volumes que constituem esta obra, uma breve súmula do problema, não só referente a Artur mas também aos principais personagens que surgem no universo arturiano: Lancelote, Merlin, Galaad, Guineverre. Também a questão do Graal e de Camelote é sucintamente explicada para um correcto enquadramento dos recém-chegados à temática.

Mas o personagem principal da trilogia não existiu certamente. Trata-se de um guerreiro de origem humilde cuja narrativa retrospectiva dá corpo à obra. Todo o romance surge como escrito por Derfel, de seu nome. E ele escreve já numa fase adiantada da sua vida, enquanto monge recluso num pequeno convento, a pedido da Rainha daquelas terras. Pontualmente, o fio natural da história é interrompido para dar lugar a breves diálogos entre o nosso herói e a sua patrona. Aí aprendemos que para evitar a ira do padre Samsun eles fingem estar Derfel a fazer a cópia de um escrito cristão para a língua dos Saxões. Manobra engendrada para iludir o terrível Samsun, que não poderá nunca suspeitar que na realidade se trata das memórias de Derfel aquilo que é passado para o pergaminho pela pena do monge. Isto porque as memórias de Derfel estão inevitavelmente associadas à vida e obra de Artur, tão odiado pelos cristãos. Entregue cada parte do manuscrito à Rainha, logo ela corre para o seu castelo, onde um outro letrado trata de repor o texto na língua bretã. E assim ela segue a narrativa com ansioso interesse, especialmente interessada nos episódios de amor.

Neste ponto, receamos levantar mais o véu da história, sob pena de, inadvertidamente, revelar um ou outro pormenor que supostamente não é do conhecimento do leitor antes de tempo. Mas podemos adiantar que a verdadeira história se inicia na juventude de Derfel, no momento em que ele abate o seu primeiro inimigo, o primeiro sangue saxão que verte. E vai-se desenrolando até colocar lado a lado Derfel e Artur, homens sensivelmente da mesma idade. Conta como o humilde guerreiro se torna um dos homens de confiança do prometedor nobre, e, mais tarde, o seu único verdadeiro amigo. Com esta relação no coração da acção, vamos poder seguir um dos mais significativos períodos da História da Grã-Bretanha: o das invasões saxónicas, marcadas pelos problemas sentidos pelos bretões em manterem-se unidos para enfrentar o inimigo comum.

A magia é omnipresente e vital. Morgana, Merlim e Nimue são as personagens que se debatem para repelir a expansão do Cristianismo, e personificam as forças conservadoras que anseiam pela restauração das antigas religiões, dos deuses ancestrais da Bretanha. Como verá o leitor, este conflito de crenças assumirá um papel determinante na história em diversas situações. O que será compreensível se pensarmos que é talvez o elemento mítico que torna a Idade das Trevas tão apaixonante e tão distinta na produção de romances históricos.

Bernard Cornwell, londrino de nascença e naturalizado americano, distingiu-se pela série "Sharpe", que decorre no cenário das Guerras Peninsulares. Depois, trabalhou numa outra série literária, "Starbuck", com o pano de fundo da Guerra Civil Americana, também conhecida como Guerra da Secessão. Esta trilogia, "Crónicas do Senhor da Guerra", editada integralmente pela Planeta Editora entre 1997 e 1998, é uma obra-prima deste autor, que não pode passar despercebida.

Lê-se compulsivamente, como acontece com qualquer boa obra literária, numa sucessão de acontecimentos encadeados, magistralmente distribuídos pelos capítulos de forma a impedir o leitor de se deter nas transições. Os combates, traições e amores agarram o leitor. Os personagens são caracterizados em pormenor, mais uma vez recriados à luz da tradição dos escritores arturianos. Mais do que recriados, sofrem o peso do tempo, mostrando uma evolução natural nas suas crenças e personalidades à medida que a história e os anos avançam. Pessoalmente, aprecio bastante o romance que se estende por longo tempo, acompanhando na íntegra a vida dos indivíduos nascidos por obra do autor. Melhor ainda quando abrange mais do que uma geração, mas não é este o caso de "Crónicas do Senhor da Guerra".»

Journal Entry 2 by pedroportugal at on Friday, January 21, 2005

Released 14 yrs ago (1/20/2005 UTC) at

WILD RELEASE NOTES:

RELEASE NOTES:

Já vai a caminho...

Journal Entry 3 by Ticia from Setúbal, not specified not specified on Monday, January 24, 2005
Chegou! Excelente maneira de começar a semana, com um livro em cima da secretária. Vou só acabar o ring que estou a ler e depois dedico-me ao rei artur!
Obrigada Pedro!

Journal Entry 4 by Ticia from Setúbal, not specified not specified on Thursday, March 03, 2005
Eu sou uma incondicional das Brumas de Avalon, que conta a hitória de Artur completamente ao contrário da maioria dos livros, e por isso muito desconfiada de todos os que escrevem sobre Artur de forma uma pouco mais "tradicional". Mas fui agradavelmente surpreendida pelo Rei do Inverno, gostei muito da perspectiva dada, e fiquei com muita vontade de ler o resto da trilogia, ninguém os tem??
Como o livro foi de férias comigo até ao outro lado do Atântico, acrescentei um postal para fazer companhia aos proximos leitores!
Segue para PCSAF assim que tiver a morada!

Journal Entry 5 by Ticia at on Thursday, March 10, 2005

Released 14 yrs ago (3/10/2005 UTC) at

WILD RELEASE NOTES:

RELEASE NOTES:

finalmente a caminho, para a PCSAF..

Journal Entry 6 by PCSAF from Gondomar, Porto Portugal on Saturday, March 12, 2005
Chegou! Obrigada Ticia! Estou curiosa para o ler. Apesar de se calhar demorar um pouco a ler, pois tenho alguns bookrings para ler, mas vou tentar despachar-me.

Journal Entry 7 by pedroportugal on Monday, March 14, 2005
Eu tenho os outros livros da trilogia... na proxima semana com mais tempo coloco em bookring. Vale Ticia? ;)
beijo

Journal Entry 8 by Ticia from Setúbal, not specified not specified on Monday, March 14, 2005
parece-me optimo!! Cá vou ficar à espera desse bookring! Obrigada!!

Journal Entry 9 by mattellaca from Águeda, Aveiro Portugal on Friday, June 10, 2005
Chegou há uns dias, mas só agora consegui fazer JE.

Journal Entry 10 by mattellaca from Águeda, Aveiro Portugal on Tuesday, October 18, 2005
Segue logo que receba a morada da Nympha.

Journal Entry 11 by mattellaca from Águeda, Aveiro Portugal on Wednesday, November 02, 2005
Seguiu hoje para a ninnoca.

Journal Entry 12 by nninoca from Porto - City, Porto Portugal on Thursday, November 03, 2005
Já está comigo....... veio bem acompanhado, por outro livro rsrrsr...

Journal Entry 13 by nninoca from Porto - City, Porto Portugal on Thursday, December 01, 2005
O livro é grande (um autentico tijolo), mas, depois de o começar........ já não se pára! Estou quase no fim, a gostar muito do desenrolar da história, a ficar fascinada com a simplicidade das imagens e a simplicidade das vidas que descreve. Gosto da ideia do narrador, intercalada com a perguntas da rainha e com a vigilancia do padre.....

Gostava de ler os outros livros... se fizeres o bookring.......

OBRIGADO pedroportugal, pela partilha!
Obrigado mattellaca, pelo envio........

O Muzzle esta sem tempo para ler. Pede para passar à frente. Já contactei o Cativo e o Relíquia... o Bojonvura não encontro......
O Cativo, também pede para passar à frente.... nem sabem o que perdem!

Journal Entry 14 by nninoca from Porto - City, Porto Portugal on Monday, December 12, 2005
Ficou agorinha no corrreio.... a caminho da conto....

Journal Entry 15 by wingcontowing from Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Wednesday, December 14, 2005
E chegou!!
Ei-lo, portanto, comigo, apesar de não ser uma das inicialmente inscritas. Espero que não te importes pedroportugal, apesar de isto ter sido feito sem o teu aval!
Prometo tratá-lo bem e não o "empatar". Quando acabar, tentarei passá-lo a um dos restantes inscritos, mas... se não conseguir, queres aceitar mais inscrições que entretanto apareceram na thread que a nninoca abriu, ou preferes que o envie para ti?

Journal Entry 16 by wingcontowing from Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Sunday, December 25, 2005
Já o li e... gostei bastante! Muito no género do The Last Kingdom que já tinha lido dele. É notoriamente um bom investigador de backgrounds históricos o que resulta em narrativas bem construídas, com cenários realistas e personagens verosímeis.

Agora fica a vontade de ler o resto, de facto!...

Vou tentar de novo contactar todos os inscritos, se ninguém estiver disponível para o receber, tentarei contactar o pedroportugal, senão, em última análise, recorrerei à thread que a nninoca abriu e onde, para além de mim, houve mais gente que se mostrou interessada em o ler. Pode ser?
Vou dando notícias nesta JE.

Journal Entry 17 by wingcontowing from Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Friday, December 30, 2005
Como, dos inscritos iniciais a quem falatava ler este livro, ninguém se mostrou interessado em lhe pegar, o pedroportugal pediu-me que lho reenviasse a ele.

Foi hoje para o correio. Espero que chegue são e salvo. Confirma quando ele chegar, para eu ficar descansada, sim Pedro?

Obrigada pela oportunidade (mesmo que meio imposta) de o ler e obrigada nninoca pelo envio. Bom ano de 2006 a tod@s!

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.