Intimidade

by Hanif Kureishi | Literature & Fiction |
ISBN: 9789726953555 Global Overview for this book
Registered by wingArvoreswing of Porto Santo (ilha), Madeira Portugal on 11/29/2018
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
11 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by wingArvoreswing from Porto Santo (ilha), Madeira Portugal on Thursday, November 29, 2018
"Esta é a noite mais triste, porque tenciono partir para nunca mais voltar"

Tive de ir até ao ano de 2014 para encontrar um livro que fosse bom e que, simultaneamente, não tivesse ainda sido lido pela maioria dos participantes. Na altura, li-o em Inglês. O livro é bastante controverso; mas esse, para mim, é um sinal de que está bem escrito. Não temos de concordar com as atitudes de um personagem ou de gostar do seu carácter para gostar de um livro. Na minha opinião, quando um livro (ou a arte em geral) consegue mexer com as nossas emoções, é porque tem qualidade.
Estou com muita curiosidade para saber as opiniões de tod@s e ver se a polémica se manterá :-)
Boas leituras.

Journal Entry 2 by xtorya at Santiago do Cacém, Setúbal Portugal on Friday, January 04, 2019
Será lido em breve!

Journal Entry 3 by xtorya at Santiago do Cacém, Setúbal Portugal on Monday, February 04, 2019
Os pensamentos de um homem, infeliz no casamento mas com dificuldade em o terminar, receando perder todos os pormenores do crescimento dos filhos...
Nunca tinha lido nenhum livro deste autor. Ele consegue fazer-nos acompanhar a luta interna deste homem, as suas hesitações, até que finalmente resolve... ?
Seguiu hoje para a próxima, livro de Fevereiro.

Journal Entry 4 by ladylouve at Lisboa - Benfica, Lisboa (cidade) Portugal on Tuesday, February 12, 2019
Chegadinho, irei lê-lo assim que terminar a minha actual leitura! Obrigada! =D

Journal Entry 5 by ladylouve at Lisboa - Benfica, Lisboa (cidade) Portugal on Tuesday, February 19, 2019
Confesso que não me agradou muito. Apesar de entender o caminho da personagem, penso que estava demasiado focado na sua sexualidade e no seu desejo físico, o que para mim é um pouco desagradável de ler.

De todos os modos, se conseguiu causar em mim este desconforto, certamente é porque está bem escrito, haha!

Digo mais: https://naomeapeteceestudar.blogspot.com/2019/02/intimidade.html

Agora vai viajar até Março!

Journal Entry 6 by Pequete at Bragança, Bragança Portugal on Thursday, March 07, 2019
Está comigo! Obrigada pelo envio, lady, e pela partilha, Árvores. Este mês está um bocado caótico e parco de tempo, mas prometo dar-lhe prioridade em relação a todas as outras leituras e terminá-lo dentro do prazo.

Journal Entry 7 by Pequete at Bragança, Bragança Portugal on Sunday, March 17, 2019
Ó pá, não gostei nada deste livro!

O tema central é o clássico triângulo amoroso. A personagem principal (narrador) é infantil e egoísta, e os seus dilemas e monólogos interiores soaram-me pouco credíveis. É que tenho mesmo muitas dúvidas que alguém se consiga convencer a si próprio com raciocínios do tipo dos que nos são apresentados.

A história é-nos contada de um único ponto de vista (o do homem) e as personagens femininas são apenas superficialmente caracterizadas, pelo que nos surgem como pouco mais do que objectos. Estamos muito longe de um Nabokov, por exemplo, capaz de nos oferecer um personagem detestável como em Lolita, mas ao mesmo tempo muito credível, e por vezes mesmo divertido.

Terminei o livro *spoiler adiante* a pensar que no fim, quem teve mais sorte foi a mulher supostamente enganada, que se viu livre de um inútil. Fiquei com pena da amante, e ou me engano muito, ou será ela a próxima a sair de casa. Mais interessante do que este “Intimidade”, seria talvez ler o o que ela teria a escrever sobre o assunto...

Mas não dei o meu tempo como perdido. É sempre enriquecedor conhecer um autor novo, mesmo quando não nos agrada aquilo que escreve!

Reservado para passar à irus, num próximo encontro.

Journal Entry 8 by Pequete at Bragança, Bragança Portugal on Thursday, March 28, 2019
Acabadinho de passar à irus!

Journal Entry 9 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Tuesday, April 09, 2019
Bem, o livro surpreendeu-me.
Primeiro, porque há bué anos vi o filme baseado neste livro e do que me lembro é que há um homem e uma mulher que passam a vida na cama. Havia muito sexo, mas pouca intimidade verdadeira. Não me lembro se havia mulher e filhos, nem dos diálogos. Se essa informação não estivesse na contracapa nunca ligaria este livro àquele filme.
Depois, porque as opiniões anteriores me deixaram de pé atrás.
No fundo, o livro acabou por ser bem diferente do que estava à espera. Não achei que fosse pouco credível: consigo imaginar muitos homens a terem essa postura perante a vida, o casamento e a família. E a verdade é que ele não é hipócrita (pelo menos, não com ele próprio): consegue analisar-se muito bem e detalhar as razões porque pretende fugir. Também gostei que a história nos mostre dois contrapontos: o amigo Victor, que se divorciou mas, de certa forma, está arrependido, porque a alternativa ao casamento não é assim tão fantástica e o amigo Asif, sensato, fiel e bom pai de família. No fundo, esta é uma história comum a muitos casamentos: a falta de empatia e curiosidade pelo outro, a maldita rotina. E a ideia que, algures, haverá uma vida melhor. Aquilo que o protagonista faz – ou tem intenção de fazer – é a velha história que muitos homens antes dele fizeram: ir comprar tabaco e nunca mais voltar.

Sendo uma surpresa pelas razões explicadas, o livro também não me cativou por ali além, sobretudo por ser um longo (e às vezes aborrecido) monólogo. A tradução também não ajudará: quantas pessoas se põem a elucubrar (eu sei que a palavra é correta, mas parece desfasada em relação à restante linguagem)? E “plantas de droga”? Acredito que o original seja melhor.

Journal Entry 10 by conto at Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Tuesday, May 07, 2019
Chegou como o "meu" livro de Maio :)
Obrigada gente! Até já...

Journal Entry 11 by conto at Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Monday, May 27, 2019
A leitura foi rápida mas não foi marcante, de todo.
Terminei a pensar que este poderia ser um bom livro pelo facto de ser uma situação tão comum (no sentido do pesar-se prós e contras de uma separação) - sendo que eu gosto muito de livros sobre pessoas normais e vidas normais - e no entanto não o ser, apenas porque é extremamente aborrecido. A sensação que tive várias vezes foi "já não te posso ouvir! Sai lá de casa de uma vez, se é que não és mesmo capaz de conversar sobre o assunto com a pessoa com quem viveste durante tantos anos".
Não me recordo minimamente de um filme como o aqui descrtio pelo que penso não ter visto. Do livro... Talvez em inglês?!
Vai para a ichi na próxima quinta, finzinho do mês.

Journal Entry 12 by ichigochi at Vila Nova de Gaia, Porto Portugal on Wednesday, June 05, 2019
Obrigada conto (e Arvores). O livro já chegou na sexta-feira mas, como estive fora, acabei por fazer a JE só agora.
Não conheço este livro, e as opiniões anteriores não são das mais entusiasmantes, mas vou ler e já venho cá dizer de minha justiça :)

Journal Entry 13 by ichigochi at Vila Nova de Gaia, Porto Portugal on Tuesday, July 09, 2019
O livro já está lido e em viagem para a leitora de julho.

Quanto à leitura, confesso que também não gostei muito. Para além de não conseguir sentir empatia pelo narrador, gostava de ter "ouvido" as outras personagens, que só conhecemos pela perspetiva dele.
De qualquer forma, obrigada pela partilha. É sempre bom conhecer um autor novo.

Journal Entry 14 by marialeitora at Vila Real, Vila Real Portugal on Wednesday, July 10, 2019
Chegou...desconheço tud: autor, livro, etc. Não li o que os cuscos escreveram ai em cima...volto em breve que ele é magrinho :) Obrigada

Journal Entry 15 by marialeitora at Vila Real, Vila Real Portugal on Monday, July 22, 2019
Um premissa tão interessante (um marido/pai que vai abandonar mulher e filhos e começa uma reflexão que nos poderia levar tão longe...mas não levou... perdeu-se por ali no estilo do autor, ou na tradução...não sei. Ao fim de algum tempo cansei-me dele e não consegui acabar de ler, desculpem... está pronto para viajar antes de Agosto...

Journal Entry 16 by Baiia at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Tuesday, July 30, 2019
Já chegou. Obrigada pela partilha.

Journal Entry 17 by Baiia at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Thursday, August 08, 2019
Li num instante, achei a escrita boa mas a personagem principal desagradou-me bastante. Achei-o moralmente vazio e bastante egocêntrico. Isso fez com que não gostasse to enredo, no entanto não deixa de ser um bom livro.
Segue viagem no final do mês.

Journal Entry 18 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Monday, September 02, 2019
chegou!
...mesmo no primeiro dia útil de setembro :-)

Journal Entry 19 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Thursday, September 05, 2019
Já o li e já está envelopado à espera da última semana de setembro ;-)
Eu vi o filme (quando estreou por cá) e lembro-me de que gostei. Quanto ao livro, não apreciei muito devido à linguagem, mas aqui a tradução teve muita (má) influência.

Journal Entry 20 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Thursday, September 26, 2019
seguiu para o Jota-P no dia 24/setembro

Journal Entry 21 by Jota-P at Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Thursday, October 31, 2019
Não gostei deste livro... mas a boa notícia é que o terminei, ao contrário do que aconteceu com os livros anteriores.
Nem sei muito bem o que dizer, a não ser que a irus, a Pequete e a conto disseram já aquilo que eu próprio também pensei sobre o livro.

[Quando tiver tempo, tentarei escrever algo mais]

Esta tradução deixa muito a desejar.

Seguirá para a próxima da lista no início da próxima semana!

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.