Toda Luz Que Nao Podemos Ver (Em Portugues do Brasil)

by Anthony Doerr | Literature & Fiction |
ISBN: 8580576970 Global Overview for this book
Registered by joaquimponte of Lisboa - Lumiar , Lisboa (cidade) Portugal on 4/29/2018
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
13 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by joaquimponte from Lisboa - Lumiar , Lisboa (cidade) Portugal on Sunday, April 29, 2018
Não é apenas mais uma história da II Grande Guerra, mas antes uma história de um encontro e de duas vidas, entre uma rapariga francesa e um oficial alemão, que decorre nesse período. Uma história que revela como mais do as ideologias, a política e o patriotismo é a proximidade humana ( ia dizer do coração humano) o mais importante na vida.
http://deusmelivro.com/critica/toda-a-luz-que-nao-podemos-ver-anthony-doerr-22-6-2015/

Journal Entry 2 by joaquimponte at Lisboa - Lumiar , Lisboa (cidade) Portugal on Saturday, May 26, 2018

Released 1 yr ago (5/26/2018 UTC) at Lisboa - Lumiar , Lisboa (cidade) Portugal

CONTROLLED RELEASE NOTES:

Enviado para a Ana C. que o escolheu na página FB de Conchas Little Free Library #32875. Espero que gostes.

Journal Entry 3 by xtorya at Santiago do Cacém, Setúbal Portugal on Tuesday, January 01, 2019
Nunca cheguei a dar entrada deste livro, nem a dizer que o adorei! Obrigada e desculpa o atraso. Bom ano 2019!

Journal Entry 4 by ladylouve at Lisboa - Benfica, Lisboa (cidade) Portugal on Sunday, January 06, 2019
Recebido a propósito do BookRing Múltiplo dos favoritos do ano!

Confesso que não esperava que o meu primeiro livro fosse tão grande, mas estou desejosa de saber como é - já que foi recomendado pela xtorya! Espero conseguir fazê-lo a tempo do desafio! Força eu! =D

Journal Entry 5 by ladylouve at Lisboa - Benfica, Lisboa (cidade) Portugal on Wednesday, January 23, 2019
É um livro viciante e delicioso de ler pela escrita rápida e imediata. Entrei logo na história e foi quase com ansiedade que fui percorrendo as páginas para encontrar o final. No entanto, não fiquei muito convencida com as personagens, que me pareceram um pouco "convenientes" demais e meio descaracterizadas, pois parece que tudo lhes acontece sem causalidade.

Tomei a liberdade de fazer um post no meu blog com mais coisas, sem NUNCA mencionar que este é o livro secreto, hihihi
https://naomeapeteceestudar.blogspot.com/2019/01/toda-luz-que-nao-podemos-ver.html

Já o enviei para a Pequete para a continuação do ring! Obrigada pela partilha! <3

Journal Entry 6 by Pequete at Bragança, Bragança Portugal on Monday, January 28, 2019
Já está comigo! Obrigada pelo envio, lady! O tamanho é um bocado intimidante, mas vou pegar-lhe assim que terminar o que estou agora a ler e espero não demorar muito a dar notícias!

Journal Entry 7 by Pequete at Bragança, Bragança Portugal on Tuesday, February 05, 2019
Ler 500 páginas em 3 dias não é coisa que me aconteça com frequência, mas a história é muito boa e a estrutura do livro, que alterna entre personagens e tempos, em vez de quebrar o ritmo de leitura, tem o efeito contrário.

Comecei a ler sem saber nada sobre o livro: não conhecia o autor, o título era-me vagamente familiar, mas não fazia ideia do que se tratava. Tive algum receio que se tratasse de um daqueles “livros da moda” que se arrastam por um número excessivo de páginas, cheios de amores lamechas e procuras do “sentido da vida” e decidi nem sequer ler as badanas ou a contra-capa, não fosse desanimar mesmo antes de começar. Atirei-me a ele sem grande ânimo, com a ideia de ler umas 20 ou 30 páginas e decidir depois se era para continuar ou passar ao próximo. Mas tive uma agradável surpresa.

O final foi o que menos gostei, pois pareceu-me um tanto apressado e chocho, embora também não saiba bem que outro final poderia haver que fosse suficientemente verosímil.

Se usasse chapéu, tirava-o ao tradutor, que consegue que nos esqueçamos que não estamos a ler um livro no original e nos oferece uma prosa lindíssima. Que me lembre, foi só uma vez que notei tratar-se de uma tradução, já perto do final, e provavelmente porque nessa altura já estava tão (agradavelmente) surpreendida, que quase andava à procura de alguma pista ;) Isto é tanto mais notável, quanto a história tem muitos termos pouco comuns, ligados à biologia, paleontologia e geologia, que não é raro fazerem tropeçar os melhores. Mas não foi o caso.

Em resumo, muito recomendável.

Vou ver se a irus o quer receber já, ou esperar por Março.

Journal Entry 8 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Thursday, March 07, 2019
A irus resolveu esperar por março e hoje apanhou o livro.
Também me assustei com o tamanho em letra pequenina mas, por isso mesmo - apesar de ter ali um a que me apetece mesmo deitar o dente -, acho que lhe vou pegar já.

Journal Entry 9 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Monday, April 01, 2019
Desanimei um pouco quando vi que era (mais um) livro sobre a II Grande Guerra. Sei que há sempre outras perspetivas mas gosto de descobrir temas novos e este parecia-me mais do que estafado.
No entanto, e embora tenha sempre a guerra como pano de fundo, o livro acaba por agarrar, ao saltitar constantemente entre um e outro lado da barricada, impedindo que qualquer uma das histórias se torne monótona.
Gostei também que o destino das personagens não fosse tão óbvio como parecia que se estava a encaminhar. E das descrições de natureza (as aves, as conchas) que parece continuar indiferente a tudo que se está a passar ao redor. Ou antes, como essa mesma natureza nos pode fazer esquecer os horrores da guerra.

Ao contrário da leitora anterior, achei a tradução um bocado irritante. Reconheço que me pareceu que os nomes de aves estavam corretos, mas os "renques" disto e daquilo e tudo prenhe de alguma coisa (as noites prenhe de estrelas, as gavetas prenhes de objetos, mais outras frases de que já não me lembro, mas que estavam sempre prenhes de algo) acabaram por me chatear um bocado.

No geral foi uma leitura agradável que, embora não o tenha lido em três dias, me deixou agarrada até ao fim.

Journal Entry 10 by conto at Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Wednesday, April 03, 2019
Jasus!
Ok, espero que, como com as leitoras anteriores, a coisa seja mais fácil do qiue o que parece assim, à primeira vista ;)

Journal Entry 11 by conto at Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Monday, May 06, 2019
E pronto, tal como as restantes, fiquei convencida :))
Não consegui ler tão depressa, mas sempre que tinha de o fechar (por a viagem de metro estar a chegar ao fim e etc) ficava com pena de não poder continuar.
O que mais gostei foi também do ritmo da história e do paralelo entre os horrores e a natureza.
Não gostei muito de alguma da linguagem excessivamente rebuscada utilizada. Talvez fizesse sentido no original mas em português não, porque desfasa do tom geral.
Ah, e fiquei com muita vontade de ir conhecer Saint-Malo (clicar na imagem para aumentar: Saint-Malo em 1944).
Obrigada! Segue já amanhã para a ichigochi.

Journal Entry 12 by ichigochi at Vila Nova de Gaia, Porto Portugal on Thursday, May 09, 2019
Já está comigo.
Não conheço o livro nem o autor mas já vi que cativou os leitores anteriores.
Estou com curiosidade :)

Journal Entry 13 by ichigochi at Vila Nova de Gaia, Porto Portugal on Friday, June 07, 2019
Também gostei muito do livro, mas não consegui lê-lo em 3 dias e só ontem é que o deixei no correio, a caminho da marialeitora. 🙂
Por coincidência, acabei de o ler numa viagem rápida a Londres e fiquei surpreendida quando me deparei com uma versão eletrónica do livro de Audubon - The Birds of America - no Museu de História Natural. Deixo aqui a foto de uma das páginas.
Como a conto, também achei a linguagem um pouco rebuscada, mas fiz por me concentrar no conteúdo em vez da forma e passar por cima dessas partes...
E também gostava de ir conhecer Saint-Malo um dia destes :)

Obrigada pela partilha!

Journal Entry 14 by marialeitora at Vila Real, Vila Real Portugal on Tuesday, June 11, 2019
chegou! que grande é!

mas pelos comentários acho que o despacho num instante! Obrigada!

Journal Entry 15 by Baiia at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Tuesday, July 09, 2019
Já chegou. Obrigada.

Journal Entry 16 by Baiia at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Monday, July 22, 2019
Adorei este livro. Gostei da forma como se ia alternando entre personagens, gostei de também da alternância entre os horrores da guerra, a natureza e a inocência da juventude. Fiquei também com vontade de conhecer Saint Malo e a Bretanha, talvez um dia. Segue viagem esta semana.

Journal Entry 17 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Thursday, July 25, 2019
Recebido hoje!
É o meu livro de Agosto do BookRing Múltiplo.

Journal Entry 18 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Friday, August 02, 2019
Este livro é de leitura compulsiva!
Gostei muito da história, mas há ali uns pormenores (quase no final) que me pareceram muito inverosímeis... Houve 2 capítulos que até voltei a ler porque pensei que me tivesse escapado alguma coisa (mas não).
A tradução podia ser muito melhor...
Mas, no geral, gostei mesmo muito deste livro!

Ah! Sim, também gostaria de ir a Saint-Malo :-)

Journal Entry 19 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Monday, August 26, 2019
seguiu hoje para o Jota-P

Journal Entry 20 by Jota-P at Sacavém, Lisboa (distrito) Portugal on Sunday, October 06, 2019
Bolas, todos os leitores anteriores ler o livro todo e gostaram...! E eu que, novamente, não li o livro até ao fim. Os primeiro capítulos prometiam uma boa história, e a verdade é que quero ver se leio o livro por completo no futuro. Quanto a este exemplar, seguirá amanhã para a MargaridaPires que, espero, tenha tempo e disponibilidade de o ler na íntegra, pois de facto parece ser um livro com uma boa história!

Journal Entry 21 by MargaridaPires at Pias (Serpa), Beja Portugal on Thursday, October 24, 2019
Já chegou há alguns dias e devo confessar que tantos comentários positivos aguçaram a minha curiosidade. Vou já começar a ler!

Journal Entry 22 by wingArvoreswing at Porto Santo (ilha), Madeira Portugal on Thursday, December 12, 2019
Chegou hoje. É um livro que me desperta curiosidade há já algum tempo. Agradeço a oportunidade de o ler.
Como é o último, é grande e tenho andado muito ocupado, acho que vou abusar um pouco. Acho que a xtorya não me vai bater :-)

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.