O ano do dilúvio

by Margaret Atwood | Literature & Fiction | This book has not been rated.
ISBN: Global Overview for this book
Registered by Arvores of Belmonte, Castelo Branco Portugal on 11/20/2015
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
4 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by Arvores from Belmonte, Castelo Branco Portugal on Friday, November 20, 2015
TBR

Journal Entry 2 by Arvores at Porto Santo (ilha), Madeira Portugal on Friday, March 16, 2018
Eu bem que tento ler Atwood, mas continuo a não lhe achar graça. Mea cupla, com certeza.

Vai agora para a Nakipa, esperando que encontre nela uma leitora mais entusiasta.

Journal Entry 3 by Arvores at Porto Santo (ilha), Madeira Portugal on Friday, April 6, 2018
Iniciou a viagem para a Nakipa na quarta-feira, dia 4

Journal Entry 4 by wingNakipawing at Setúbal, Setúbal Portugal on Saturday, April 7, 2018
tbr

Journal Entry 5 by wingNakipawing at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Wednesday, September 16, 2020
So, Margaret Atwood is not only a great writer, completely relevant and now vary popular among gift givers. I got a brand new copy so I'm going to circulate this one to the next reader. Thank you Arvores, for sharing your book with me, I'm gonna send it close by.

Journal Entry 6 by wingNakipawing at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Wednesday, September 16, 2020

Released 1 yr ago (9/17/2020 UTC) at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal

CONTROLLED RELEASE NOTES:

This book is going out to you as part of the Bookbox virtual que encolhe. I hope you enjoy it.

Journal Entry 7 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Monday, September 21, 2020
Ao contrário do Arvores, que registou este livro, eu acho graça à Atwood.
Logo direi se acho graça a este livro em particular :)

Obrigada Nakipa.

Journal Entry 8 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Thursday, November 26, 2020
Uma das coisas de que gosto na Atwood é a diversidade de géneros a que se dedica. Neste livro continua com aquele que me parece um dos seus géneros preferidos: a distopia, neste caso retratando um mundo em que praticamente todos os humanos foram eliminados pelo chamado "dilúvio seco", um vírus ou doença que liquidava a maior parte das pessoas em poucas horas.
Mas o livro é essencialmente sobre os anos anteriores, e o estado em que a humanidade estava: nas mãos de grandes corporações, de pequenas máfias, onde algumas seitas (como a dos Jardineiros de que fizeram parte as personagens principais) se preparam para o previsível fim do mundo.
A história é contada em flash backs por duas sobreviventes, com histórias de vida e destinos diferentes.
O livro funciona como crítica a todos eles, inclusive a estas seitas cheias de boas intenções. Imagino que a Atwood se tenha divertido muito a escrevê-lo, mas acho que há tanta baralhada de conceitos (como os híbridos de animais, como o cordeiro-leão e as ovelhas MaisCabelos que, em vez de lã, têm fartos e coloridos cabelos, usados depois por seres humanos), a Barra de Ver/Y/Ouvir (no fundo, um telemóvel) e as prisões painball, onde as equipas de prisioneiros a lutarem até à morte remetem para os Jogos da Fome.
Em resumo, lê-se bem mas não esta longe de ser um dos meus favoritos da autora.

Journal Entry 9 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Tuesday, January 12, 2021
Reparei que já leste vários livros desta autora, embora não tenha encontrado este na tua lista de leituras. Espero que seja uma novidade.
Feliz aniversário.

Journal Entry 10 by MariaBarradas at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Tuesday, January 26, 2021
Obrigada irus, sou fã da Atwood, de certeza que vou gostar!

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.