A Lebre de Vatanen

by Arto Paasilinna | Literature & Fiction |
ISBN: Global Overview for this book
Registered by wingcontowing of Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on 9/4/2012
Buy from one of these Booksellers:
Amazon.com | Amazon UK | Amazon CA | Amazon DE | Amazon FR | Amazon IT | Bol.com
5 journalers for this copy...
Journal Entry 1 by wingcontowing from Lisboa (city), Lisboa (distrito) Portugal on Tuesday, September 04, 2012
O início do livro:
”Dois homens viajavam de carro, irritados e taciturnos, com a vista irritada pela luz do ocaso que passava através do para-brisas. (…) Eram um jornalista e um fotógrafo requisitado para o serviço, dois seres cínicos, infelizes, com cerca de quarenta anos; as esperanças dos seus tempos de juventude estavam longe, muito longe de se terem concretizado. Casados, enganados, desiludidos, ambos tinham um principio de úlcera no estômago e outras preocupações quotidianas.“

A sinopse da contracapa:
"Vatanen é jornalista em Helsínquia. Num domingo à tarde de Junho, quando volta do campo com um amigo este atropela uma lebre numa estrada. Vatanen sai do carro e embrenha-se nos bosques. Consegue descobrir a lebre ferida, faz-lhe uma tala grosseira e mergulha deliberadamente na natureza. Este livro tornou-se um romance de culto nos países nórdicos, ao narrar as aventuras de Vatanen, deslocando-se ao longo das estações para o círculo polar com a sua lebre servindo como uma espécie de salvo-conduto."

Quanto a mim:
Lido há cerca de um ano, foi um livro que não me convenceu: ao longo das mais inverosímeis aventuras a personagem central, Vatanen, mantém uma estranha impassibilidade, sensação reforçada pelo estilo de escrita, seco e factual e por uma fuga permanente a qualquer demonstração de sentimentalismo. Isso torna o livro ligeiramente frio mas, acima de tudo, bastante desconcertante.

Journal Entry 2 by wingcontowing at Troca por troca, -- Por correio / mão própria -- Portugal on Tuesday, September 04, 2012

Released 6 yrs ago (9/4/2012 UTC) at Troca por troca, -- Por correio / mão própria -- Portugal

CONTROLLED RELEASE NOTES:



Segue para a Marialeitora que lhe quer deitar os olhos :)
Espero que gostes!

Journal Entry 3 by marialeitora at Vila Real, Vila Real Portugal on Monday, September 10, 2012
Ao tempo que eu procurava este livro! ;)

Obrigada, conto (vou tentar gostar:)

Journal Entry 4 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Wednesday, May 22, 2013
Chegou, a saltitar. Recomendado por um lado, nem por isso pelo(s) outro(s). Em breve direi de minha justiça.

Obrigada marialeitora, pelo envio rápido.

Journal Entry 5 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Thursday, May 30, 2013
Um livro curioso, que vale sobretudo pela descrição das paisagens finlandesas e por alguns personagens castiços que vão aparecendo – e desaparecendo. Mas estava à espera de mais (embora as últimas opiniões já me tivessem posto de sobreaviso). O livro é uma sucessão de episódios, sem ligação entre si e nunca chegámos a conhecer realmente Vatanen, que se limita a saltitar entre sítios e empregos. É engraçada a presença da lebre, que despoleta a história mas nada de especial acontece.

Journal Entry 6 by irus at Bragança, Bragança Portugal on Saturday, August 17, 2013
A lebre vai saltitar até o Arvores, um belo habitat para um animal do norte. É para ti, dá-lhe o destino que entenderes.

Journal Entry 7 by wingArvoreswing at Viana do Castelo, Viana do Castelo Portugal on Wednesday, September 04, 2013
Apanhei esta lebre em Bragança e tenho andado com ela na mochila desde então. Longos passeios pelo campo, mas sem leituras. Bom, não se pode ter tudo na vida.
Vou lê-la e dar-lhe um caminho. Apesar de ter por cá a versão inglesa, vou agarrar esta por preguiça (lá chegará o tempo em que vou lê-la no original; ou não!) ;)

Kiitos!

Journal Entry 8 by wingArvoreswing at Viana do Castelo, Viana do Castelo Portugal on Saturday, October 26, 2013
Diverti-me tanto com Vatanen e com o seu percurso de liberdade! Paasilinna sabe sempre construir personagens que actuam à margem da maioria e que, por isso, dificilmente são compreendidos pelos seus pares. Adoro o seu sentido de humor e a forma como transmuta situações supostamente complicadas em aventuras fascinantes. Nos livros de Paasilinna, consigo sempre sentir a placidez da paisagem finlandesa, o que me traz grande conforto. Não sei se é necessário conhecer e amar a Finlândia para gostar dos livros de Paasilinna, mas é certamente um factor que permite compreendê-lo bem e acompanhá-lo na sua escrita. Neste caso, a lebre é praticamente irrelevante.
Muito obrigado pela partilha. Vou tentar dar-lhe um caminho digno.

Journal Entry 9 by wingArvoreswing at Viana do Castelo, Viana do Castelo Portugal on Friday, November 15, 2013
A lebre vai seguir a sua viagem. E, quanto a mim, vai deixar saudades.

Bom Outono! :)

Journal Entry 10 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Thursday, November 21, 2013
chegou!
obrigada :-)


Journal Entry 11 by Maria-Nunes at Lisboa - City, Lisboa (cidade) Portugal on Monday, January 06, 2014
Achei este livro magnífico! Amei lê-lo :-)

Are you sure you want to delete this item? It cannot be undone.